O VERDADEIRO NOME DO MESSIAS

Um nome sagrado representa um conjunto de letras que forma uma palavra que ao mesmo tempo produz um SOM, este som tem uma vibração e esta vibração trás PODER, sim o som trás uma vibração capaz de criar, curar e também destruir. E assim nasciam os nomes dos deuses e demônios cada um com o propósito de vibrar um poder baseado no efeito da intenção de cada ente espiritual.

Nas Escrituras Sagradas, João revela: No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. (João 1:1)

Antes mesmo da escrita existia o som e esta revelação de João no principio do seu Evangelho revela que as pronuncias e a vibração do verbo materializado na palavra tinha o poder de criar, a voz e o som emitido vibrava no verbo criando tudo e o som vibrando e criando era Deus. Esta teoria indica que quando focalizamos nossa mente em algo, e a isto somamos sentimento e emoção, para finalmente expressá-lo, [aquele algo] estamos exteriorizando e materializando um poder, [um agente] que poderá afetar os reinos da matéria. Se cada um de nós fossemos conscientes de que a energia liberada em cada palavra afeta não somente aquele a quem nos dirigimos mas, também, a nós mesmos e ao mundo que nos rodeia, começaríamos a ser mais cuidadosos com o que dizemos (e pensamos).

Tendo isto como primícias, não podemos mudar um nome sagrado, pois se fizermos isso, comprometeríamos todo efeito da vibração do poder gerado através do NOME original.

poder-do-SOM

Os antigos essênios (e outros iniciados de outras culturas antigas) sabiam da existência do enorme poder contido na oração, no verbo, na palavra. Os alfabetos das línguas antigas, como sânscrito, grego, aramaico e hebraico [o árabe pré-Islã também ] são fontes de poder em si mesmos.

Os essênios utilizaram a energia canalizada pela linguagem, posto que a linguagem, o falar [spell] era [e ainda é] a manifestação final do pensamento, da emoção, da sensação (e da VONTADE). Manifestação que se projeta, criando ou modificando a realidade de acordo com aquilo que o locutor deseja (VONTADE) experimentar neste mundo.

Nas culturas do antigo oriente eram [e ainda são] utilizados os mantras, orações, cânticos com uma intenção predeterminada como técnicas para materializar [realizar] estados [de ser] subjetivos e programar, de uma forma que a ciência ignora, realidades pensada, desejadas. A afirmação prévia é, deste modo, uma técnica que produz efeitos. Os estudos atuais, na área da física quântica [da física de partículas] começam a validar o conhecimento dos antigos que, até muito recentemente foram desprezados como fantasias religiosas e charlatanices.

Por regra de poder um nome Sagrado não pode ser alterado ele só pode ser transliterado para que todo o poder se mantenha na pronuncia do mesmo, por via de regra é importante o leitor saber que não se muda nem um nome próprio,  esta é uma regra mundial e esta regra fica mais séria ainda quando tratamos de um nome Sagrado. 

Os pesquisadores Dan Winter, Fred Wolf e Carlos Suarez, desenvolvendo um programa de computação para estudar as ondas sinusoidais [freqüências de onda] emitidas pelo coração enquanto o sujeito é submetido a provocações emocionais, em certa fase dos experimentos, usando um espectrograma, analisaram as vibrações da língua hebraica. Descobriram que os pictogramas [as figuras], os símbolos do alfabeto hebraico correspondem exatamente com a figura formada pela longitude de onda do som de cada palavra.

alfabeto-hebraico

O Alfabeto Hebraico

Também comprovaram que os símbolos de aquele alfabeto são representações de figuras geométricas. No alfabeto hebraico, os 22 símbolos [letras] são, em apenas um de seus numeroso aspectos semânticos, os 22 nomes próprios originalmente utilizados para designar os diferentes estados e estruturas de uma única energia cósmica sagrada, que é essência e matriz de tudo o que existe. O Livro do Gênesis foi escrito nessa língua, com esse alfabeto.

As letras dos antigos alfabetos são formas estruturadas de energia vibracional que projetam forças próprias da estrutura geométrica da Criação. Assim e por isso, com as palavras, a linguagem, é possível tanto criar quanto destruir.

Conhecer o nome original do Messias é fundamental para a igreja nos dias de hoje, simplesmente porque o poder é manifestado pela pronuncia do Nome Yahushua, este Nome é genuinamente Judeu, então não há motivo nenhum para lhe dar outro nome, mas infelizmente o Seu Nome tem sido corrompido através dos séculos. A Igreja precisa conhecer o verdadeiro nome do Messias Yahushua e começar glorificar e Santificar este Nome, para se libertar das mãos dos falsos pastores e profetas, se todos que clamarem pela verdade no nome de Yahushua, verdadeiramente serão atendidos.

Como é escrito o nome de Yahushua no Hebraico?

Yahushua

O nome YAHUSHUA recebe o nome de seu Pai o Altíssimo YAHUH e o seu significado é: o Pai Salva.

Conheça abaixo as letras que compõe o nome do Pai e do Messias Yahushua:

paifilho

Como vimos na figura acima o Nome do Pai esta em cima e logo abaixo vem o Nome do Filho. O hebraico é escrito e lido da direita para a esquerda.  Na transliteração passa ser escrito e lido da esquerda para direita.

letras-do-nome

Saiba como as vogais entraram no nome do Messias YAHUSHUA.

vogais-do-nome

As vogais foram inventadas para pronunciar o texto da Bíblia Hebraica, pois a língua hebraica é composta somente por consoantes.
As vogais são compostas de pequenos pontos que são colocados debaixo ou ao lado das letras hebraicas. O nome do MASHIACH é composto por cinco consoantes, por duas vogais longas e por duas vogais breves.

Existe dois tipos de VOGAL QAMETS: QAMETS GADOL vogal longa “A” e o QAMETS QATON vogal breve “O”.

Os dois Qamets são representado pelo mesmo sinal que é ” T “. É importante dizer que os dois Qamets não tem o som do ditongo
“AO”. E também porque não existe ditongo no Hebraico.

Saiba como pronunciar o nome do MASHIACH (Messias) YAHUSHUA:


Yahushua

YAHUH = O PAI O ALTISSIMO

SHUA = SALVAÇÃO

YAHUSHUA Lê-se IARRUSHÚA

A Bíblia Hebraica original nos revela que Existe um Pai Altíssimo, Eterno, Poderoso, Onisciente e Onipresente e seu Nome é representado no Tetragrama Sagrado como YHVH ou YHWH, pronuncia-se YAHUH.

Os Yahudym (povo judeu), mudaram seu Nome para que os outros povos da terra não o conhecesse e não invocassem o poder que está no Seu Nome, posteriormente o nome teve outras variações para YaHVeH (vertido em português para Javé), ou YeHoVaH (vertido em português para Jeová)

Entenda melhor assistindo o Vídeo

Continuação do Vídeo

2 opiniões sobre “O VERDADEIRO NOME DO MESSIAS

  • 19 de abril de 2016 em 18:16
    Permalink

    fico honrado por esses conhecimentos terem chegado até a mim, e agradeço ao pai eterno por isso e estou orando em nome do maravilhoso nome YAHUSHUA, PELA SALVAÇÃO DE MINHA FAMÍLIA QUE EU POSSA SER INSTRUMENTO NAS MÃOS DO SALVADOR QUE LEVE AS VERDADES ETERNAS AS MENSAGENS DE SALVAÇÃO ME FAÇA OH PAI UM INSTRUMENTO EM TUAS SANTAS MÃOS.
    AGRADECE,
    ANTONIO DE LELES MENDES DO LAGO.

    Resposta
  • 14 de março de 2017 em 15:05
    Permalink

    Ele realizou grandes milagres durante Seu tempo entre nos, e nao posso ficar com medo de pronunciar esse Nome precioso.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *