O NOME JESUS


Qual o significado do nome Jesus que foi inventado e aparece nas Bíblias?

 

O Profeta Jeremias profetizou que o Nome do Sagrado seria alterado para que o povo não tivesse mais memoria do Seu Nome e assim foi feito.  Uma ação maligna do principe deste mundo inseriu nomes e letras adulterando o nome do Messias YAHUSHUA e também de Seu Pai YAHUH.

Foi dado ao Messias o nome de Jesus e a seu Pai o Nome de JEOVÁ e SENHOR,  veja o que profetizou o Profeta Jeremias: Até quando sucederá isso no coração dos profetas que profetizam mentiras, e que são só profetas do engano do seu próprio coração?  “Os quais cuidam que farão que o meu povo se esqueça do MEU NOME pelos seus sonhos que cada um conta ao seu companheiro, assim como seus pais se esqueceram do MEU NOME por causa de BAAL”-(Senhor).  (Jeremias 23:26, 27.).  Leia nosso Estudo A PALAVRA SENHOR.

O Nome Hebraico verdadeiro do Messias que morreu na cruz por nós é YAHUSHUA,  e aqui vamos provar historicamente que o Nome Jesus foi um nome criado comercialmente e não tem nada a ver com o Nome real Sagrado de Cristo, veja mais em nosso Estudo  O VERDADEIRO NOME DO MESSIAS. 

Nas primeiras Bíblias que chegaram ao Brasil a Vulgata Latina criada por Jerônimo, em sua tradução das Escrituras Sagradas deu para o Messias o nome de IESV, que depois veio a ser chamado de Iesus, este nome foi criado pela mitologia grega pagã e invadiu as Sagradas Escrituras por meio de suas traduções corrompidas, adulterando os Nomes e títulos mais sagrados.

Jeronimo nasceu no território da atual Hungria, era um padre que foi enviado a Jerusalém com uma missão importantíssima: traduzir a Bíblia do grego para o latim. Cometeu alguns erros, como dizer que o profeta Moisés tinha chifres (uma confusão com a palavra hebraica karan, que na verdade significa “raio de luz”.

   .

biblia-vulgata

Entre 385 e 405 A.D. (Anno Domini = Depois de Cristo), Jerônimo, secretário do Papa Dâmaso, traduz a Septuaginta para o latim.

Foi com muita relutância que Jerônimo incluiu os livros apócrifos em sua versão latina, sendo compelido pelos seus superiores eclesiásticos. Jerônimo recomendou claramente que esses livros não podiam servir como fonte de fé e doutrina veja o nosso Estudos sobre AS ESCRITURAS SAGRADAS.

 

biblia-greco-latina

Foto medalhão_Iesvs Christvs-Devs Homo

O principal ídolo da mitologia grega, chamado “Zeus”, foi dissimuladamente introduzido nas traduções tanto no título “Deus” como na adulteração do Nome do Messias para “Iesus”.

O nome “Iesus” nada mais é do que a concatenação dos nomes de dois ídolos pagãos grego e romano. Um deles era “Io”, um ídolo com características femininas. O outro, “Zeus”. Da concatenação surgiu “Iozeus” e depois “Iosous”, de pronúncia praticamente idêntica.


Io-e-zeus


Segundo a mitologia Grega Io era uma jovem princesa e sacerdotisa de Hera por quem Zeus alimentava uma secreta paixão. Para seduzi-la, Zeus cobriu o mundo com um manto de nuvens escuras na tentativa de esconder seus atos da visão de sua esposa Hera. Na vã tentativa de iludir sua esposa ciumenta, Zeus transformou a amante em uma belíssima novilha branca.

Foto do ídolo Esvs


Deste nome “Iosous” se origina este nome “Iesus”, que depois teve o acréscimo da letra “J” para se tornar um nome comercial falso, mas que é tão exaltado e cultuado em quase todas as Igrejas Cristãs, fazendo com que toda a adoração destinada a YAHUSHUA, fosse levada a estes ídolos pagãos
que representam anjos caídos com o objetivo de se tornarem impostores, enganando os fiéis e recebendo o que é devido a outrem.

Sendo assim, nossa intensão é revelar de forma Verdadeira que o nome Jesus não é um nome TEOFÓRICO, isto é, o nome JESUS não é composto pelo nome do Messias.
Nome Teofórico é um nome derivado de outro nome. Assim sendo, n
ão existe o nome JESUS na Bíblia Hebraica, não existe o nome JESUS no Novo Testamento Hebraico, não existe o nome JESUS no Novo Testamento Grego, não existe o nome JESUS no Novo Testamento Latim, no alfabeto hebraico, grego e latim não existe a letra “J”,

prova-jesu

É importante então deixar bem claro ao leitor a origem do falso nome “Jesus” que é greco-latina, proveniente de ídolos mitológicos. mas nas Escrituras Sagradas originais tem alertas e maldições para quem fizesse este tipo de alterações com os nomes Sagrados.

Como nosso objetivo é revelar a Verdade trazida pelo Messias Yahushua aconselhamos aos nossos leitores a pesquisarem a origem e o propósito maligno de se alterar o NOME que é sobre todo o NOME, nosso propósito até aqui é alertar que um nome próprio não deve ser alterado em nenhum outro idioma, principalmente um Nome Sagrado.

Uma vez levado o conhecimento sobre a importância do nome, vamos para as Escrituras Sagradas, que confirmam tudo que esta relatado até aqui.

O texto do discípulo amado João cujo o nome verdadeiro em hebraico é Yaohukhánan, diz: “Mas a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos do Altíssimo, a saber: aos que crêem no seu NOME(João 1:12). “Em palavras bem claras, crer no Nome YAHUSHUA (IARRÚSHUA) é o que nos dá o poder de sermos feitos filhos do Altíssimo”. O mesmo discípulo João nos Revela: “Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no NOME do unigênito Filho de Deus. (João3:18), com a mesma clareza, as escrituras nos informam que não crer no Nome YAHUSHUA (IARRÚSHUA) é condição para condenação.

Mateus cujo nome verdadeiro em Hebraico é Matyahu ou Manaimyahu nos revelou nas palavras do Messias: “Pois onde dois ou três estiverem reunidos em meu NOME, lá estou eu com eles” (Mateus. 18:20).

“Enquanto estendes a tua mão para curar, e para que se façam sinais e prodígios pelo NOME de teu santo Filho Yahushua.” (Atos4:30).

E olhei, e eis que estava o Cordeiro sobre o monte Sião, e com ele cento e quarenta e quatro mil, que em suas testas tinham escrito o NOME de seu Pai. (Apocalipse14:1)

O Nome do Altíssimo é tão importante que Yahushua nos ensina a Santificar o nome Dele “Portanto, vós orareis assim: Pai nosso, que estás nos céus, santificado seja o teu NOME;” (Mateus6:9). Yahushua sabia que iam blasfemar contra seu Sagrado Nome o alterando e fez este apelo, afinal Como é que podemos santificar um nome falso?

Assista o Vídeo de uma entrevista com um Professor de Hebraico

Assista também a Segunda Parte do Vídeo

 

As Igrejas precisam resgatar o verdadeiro Nome do Messias pois não há poder num nome falso,  o nome verdadeiro do Messias de Israel é YAHUSHUA e somente neste nome há Poder de cura e restauração.

O VERDADEIRO NOME DO MESSIAS

Um nome sagrado representa um conjunto de letras que forma uma palavra que ao mesmo tempo produz um SOM, este som tem uma vibração e esta vibração trás PODER, sim o som trás uma vibração capaz de criar, curar e também destruir. E assim nasciam os nomes dos deuses e demônios cada um com o propósito de vibrar um poder baseado no efeito da intenção de cada ente espiritual.

Nas Escrituras Sagradas, João revela: No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. (João 1:1)

Antes mesmo da escrita existia o som e esta revelação de João no principio do seu Evangelho revela que as pronuncias e a vibração do verbo materializado na palavra tinha o poder de criar, a voz e o som emitido vibrava no verbo criando tudo e o som vibrando e criando era Deus. Esta teoria indica que quando focalizamos nossa mente em algo, e a isto somamos sentimento e emoção, para finalmente expressá-lo, [aquele algo] estamos exteriorizando e materializando um poder, [um agente] que poderá afetar os reinos da matéria. Se cada um de nós fossemos conscientes de que a energia liberada em cada palavra afeta não somente aquele a quem nos dirigimos mas, também, a nós mesmos e ao mundo que nos rodeia, começaríamos a ser mais cuidadosos com o que dizemos (e pensamos).

Tendo isto como primícias, não podemos mudar um nome sagrado, pois se fizermos isso, comprometeríamos todo efeito da vibração do poder gerado através do NOME original.

poder-do-SOM

Os antigos essênios (e outros iniciados de outras culturas antigas) sabiam da existência do enorme poder contido na oração, no verbo, na palavra. Os alfabetos das línguas antigas, como sânscrito, grego, aramaico e hebraico [o árabe pré-Islã também ] são fontes de poder em si mesmos.

Os essênios utilizaram a energia canalizada pela linguagem, posto que a linguagem, o falar [spell] era [e ainda é] a manifestação final do pensamento, da emoção, da sensação (e da VONTADE). Manifestação que se projeta, criando ou modificando a realidade de acordo com aquilo que o locutor deseja (VONTADE) experimentar neste mundo.

Nas culturas do antigo oriente eram [e ainda são] utilizados os mantras, orações, cânticos com uma intenção predeterminada como técnicas para materializar [realizar] estados [de ser] subjetivos e programar, de uma forma que a ciência ignora, realidades pensada, desejadas. A afirmação prévia é, deste modo, uma técnica que produz efeitos. Os estudos atuais, na área da física quântica [da física de partículas] começam a validar o conhecimento dos antigos que, até muito recentemente foram desprezados como fantasias religiosas e charlatanices.

Por regra de poder um nome Sagrado não pode ser alterado ele só pode ser transliterado para que todo o poder se mantenha na pronuncia do mesmo, por via de regra é importante o leitor saber que não se muda nem um nome próprio,  esta é uma regra mundial e esta regra fica mais séria ainda quando tratamos de um nome Sagrado. 

Os pesquisadores Dan Winter, Fred Wolf e Carlos Suarez, desenvolvendo um programa de computação para estudar as ondas sinusoidais [freqüências de onda] emitidas pelo coração enquanto o sujeito é submetido a provocações emocionais, em certa fase dos experimentos, usando um espectrograma, analisaram as vibrações da língua hebraica. Descobriram que os pictogramas [as figuras], os símbolos do alfabeto hebraico correspondem exatamente com a figura formada pela longitude de onda do som de cada palavra.

alfabeto-hebraico

O Alfabeto Hebraico

Também comprovaram que os símbolos de aquele alfabeto são representações de figuras geométricas. No alfabeto hebraico, os 22 símbolos [letras] são, em apenas um de seus numeroso aspectos semânticos, os 22 nomes próprios originalmente utilizados para designar os diferentes estados e estruturas de uma única energia cósmica sagrada, que é essência e matriz de tudo o que existe. O Livro do Gênesis foi escrito nessa língua, com esse alfabeto.

As letras dos antigos alfabetos são formas estruturadas de energia vibracional que projetam forças próprias da estrutura geométrica da Criação. Assim e por isso, com as palavras, a linguagem, é possível tanto criar quanto destruir.

Conhecer o nome original do Messias é fundamental para a igreja nos dias de hoje, simplesmente porque o poder é manifestado pela pronuncia do Nome Yahushua, este Nome é genuinamente Judeu, então não há motivo nenhum para lhe dar outro nome, mas infelizmente o Seu Nome tem sido corrompido através dos séculos. A Igreja precisa conhecer o verdadeiro nome do Messias Yahushua e começar glorificar e Santificar este Nome, para se libertar das mãos dos falsos pastores e profetas, se todos que clamarem pela verdade no nome de Yahushua, verdadeiramente serão atendidos.

Como é escrito o nome de Yahushua no Hebraico?

Yahushua

O nome YAHUSHUA recebe o nome de seu Pai o Altíssimo YAHUH e o seu significado é: o Pai Salva.

Conheça abaixo as letras que compõe o nome do Pai e do Messias Yahushua:

paifilho

Como vimos na figura acima o Nome do Pai esta em cima e logo abaixo vem o Nome do Filho. O hebraico é escrito e lido da direita para a esquerda.  Na transliteração passa ser escrito e lido da esquerda para direita.

letras-do-nome

Saiba como as vogais entraram no nome do Messias YAHUSHUA.

vogais-do-nome

As vogais foram inventadas para pronunciar o texto da Bíblia Hebraica, pois a língua hebraica é composta somente por consoantes.
As vogais são compostas de pequenos pontos que são colocados debaixo ou ao lado das letras hebraicas. O nome do MASHIACH é composto por cinco consoantes, por duas vogais longas e por duas vogais breves.

Existe dois tipos de VOGAL QAMETS: QAMETS GADOL vogal longa “A” e o QAMETS QATON vogal breve “O”.

Os dois Qamets são representado pelo mesmo sinal que é ” T “. É importante dizer que os dois Qamets não tem o som do ditongo
“AO”. E também porque não existe ditongo no Hebraico.

Saiba como pronunciar o nome do MASHIACH (Messias) YAHUSHUA:


Yahushua

YAHUH = O PAI O ALTISSIMO

SHUA = SALVAÇÃO

YAHUSHUA Lê-se IARRUSHÚA

A Bíblia Hebraica original nos revela que Existe um Pai Altíssimo, Eterno, Poderoso, Onisciente e Onipresente e seu Nome é representado no Tetragrama Sagrado como YHVH ou YHWH, pronuncia-se YAHUH.

Os Yahudym (povo judeu), mudaram seu Nome para que os outros povos da terra não o conhecesse e não invocassem o poder que está no Seu Nome, posteriormente o nome teve outras variações para YaHVeH (vertido em português para Javé), ou YeHoVaH (vertido em português para Jeová)

Entenda melhor assistindo o Vídeo

Continuação do Vídeo

BEM VINDOS!

Ficamos muito honrados com sua visita e esperamos que você tenha o máximo aproveitamento de toda a sua leitura, descobertas e aprendizado.

O Evangelho nos ensina, “A lei e os profetas duraram até João; desde então é anunciado o REINO DE DEUS, e todo o homem emprega força para entrar nele.” (Lucas 16:16).  Com base neste texto bíblico foi criado os Mensageiros do Reino, nosso Principal objetivo e levar ao mundo a Verdade e Santificar o Nome do verdadeiro Messias YAHUSHUA, que foi adulterado para Jesus para que o mundo não tivesse mais memória de seu verdadeiro Nome.  “Não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Yahuh.” (Romanos 12:2)

Nosso compromisso é com o Evangelho por isso nossa religião é Cristo e o nosso Portal foi criado para ajudar a aqueles que desejam buscar a verdade Espiritual a qualquer preço,  para aqueles que querem renovar o seu entendimento nas Escrituras Sagradas e sair da escravidão da ignorância.

Nosso trabalho é voltado para a restauração e para a honra e glória do nome verdadeiro Daquele que muitos conhecem como Jesus mas seu nome verdadeiro é YAHUSHUA, pois Ele é genuinamente Judeu, Nasceu em Belém da Judéia (Mt 2, 1-6; Lc 2, 4-15) e passou sua infância em Nazaré. Por ter um nome escolhido pelo Pai Altíssimo é um nome Sagrado e nomes Sagrados não podem ser mudados ou alterados.  

Nosso trabalho é gratuito pois procuramos praticar o “de graça recebestes, de graça dai”. Nosso objetivo principal é dar acesso ao público às informações escriturais que a imensa maioria desconhece, com ênfase no verdadeiro e único Messias das Escrituras Sagradas.

A visão das Escrituras Sagradas aqui exposta, em momento algum pretende dizer que as Escrituras é uma farsa mas queremos mostrar através de estudos que o próprio leitor poderá comprovar que os nomes que você conhece hoje através da Bíblia não são os verdadeiros eles foram adulterados mantendo apenas os fatos históricos.

Muitos lideres evangélicos e de outras denominações cristã dizem que o nome não tem importância nenhuma, mas se o nome não fosse importante,  os Homens das Escrituras Sagradas não teriam seus Nomes alterados para os propósitos que eles iam cumprir.

Queremos expor aqui o engano vivido por milhares de igrejas,  somente o Espírito Santo poderá testificar em seu coração a verdade que revelaremos aqui.

Queremos lhe desejar um bom estudo e se o conteúdo que você encontrar aqui lhe trouxer libertação,  ajude a libertar outros também para a Glória do Messias verdadeiro Yahushua,  veja nosso estudo O NOME JESUS.